23 de out de 2010

Mitologia Grega

Narciso

O belo Narciso era filho do deus Cefiso e da ninfa Liríope. Conta a lenda que ele se apaixonou pela própria imagem, afogando-se no rio ao contemplá-la.

Dédalo e Ícaro



Conta a lenda que para fugir de Creta, Dédalo confeccionou asas de cera para ele e para seu filho Ícaro. Durante o vôo, Ícaro chegou muito perto do sol, derretendo suas asas e caindo no mar.
Afrodite

Deusa do amor e da beleza, era esposa de Hefaistos e amante de Ares, a quem deu vários filhos (entre eles Fobos = Medo, e Demos = Terror). Afrodite era também mãe de Eros.

Apolo
Deus do sol e patrono da verdade, da música e  da medicina. Filho de Zeus, fundou o oráculo de Delfos, que dava conselhos aos gregos através da Pitonisa, sacerdotiza de Apolo que entrava em transe devido aos vapores vindos das profundezas da terra.

Poseidon

É o deus do mar e dos terremotos, foi quem deu os cavalos para os homens. Apesar disso, era considerado um deus traiçoeiro, pois os gregos não confiavam nos caprichos do mar.

Atena

Deusa grega da sabedoria e das artes. Foi concebida da união de Zeus e da deusa Métis. Era uma deusa virgem, linda guerreira protetora de seus heróis escolhidos e também de sua cidade Atenas.
Saiba mais...

Atena era a filha predileta de Zeus, porém quando Métis ficou grávida, Zeus a engoliu a esposa com medo de sua filha nascer mais poderosa que ele e lhe tirar o trono, mas para que isso acontecesse convenceu Métis a participar de uma brincadeira divina, onde cada um se transformava em um animal diferente e Métis pouco prudente acabou se transformando em uma mosca, e Zeus a engoliu e Métis foi para a cabeça dele. Mas com o passar dos anos, Zeus sentiu uma forte dor de cabeça e pediu para Hefesto lhe desse uma machadada, foi então que Atena já adulta saltou de dentro do cérebro de seu pai, já com armadura, elmo e escudo.Atena leva uma lança em sua mão, mas que não significa guerra e sim uma estratégia de vencer, também foi a inventora do freio, sendo a primeira que amansou os cavalos para que os homens conseguissem domá-los. A cidade Atenas era sua preferida já que levou seu nome e onde também se fazia cultos em sua homenagem.
Atena e Poseidon, seu tio, chegaram a disputar o padroado de uma cidade importante, para isso estabeleceram um concurso: quem desse o melhor presente à cidade ganharia a disputa. Poseidon bateu com seu tridente e fez jorrar água do mar e também fez aparecer um cavalo. Já Atena além de domar o cavalo e torna-lo um animal doméstico, também deu como presente uma Oliveira que produzia alimento, óleo e madeira, foi então que ganhou e assim a cidade levou seu nome, Atenas.
Essa grande deusa era para ser a nova Rainha do Olimpo, mas como era mulher seu pai continuou no trono. Mas Atena foi a deusa da sabedoria, prudência, capacidade de reflexão, poder mental, amante da beleza e da perfeição.


Teste seus conhecimentos sobre Mitologia Grega http://rachacuca.com.br/quiz/28022/mitologia-grega-xii/

19 de out de 2010

Tráfico Negreiro


Mais de 11 milhões de negros trazidos para a América. A princípio os "preferidos" eram homens de 8 a 25 anos. Com o tempo,  provavelmente pela escassez de negros na África e dificuldades na captura, eram trazidos também velhos, grávidas e bebês.

Dança triste

Alguns traficantes levavam grupos de escravos para o convés, para que eles fizessem exercício físico. Eles eram obrigados a dançar e cantar, e quem parasse tomava chicotada.

Revolta

Alguns negros se rebelaram e conseguiram tomar seus navios. Foi o que aconteceu com o Amistad, em 1839. Quando não dava certo, todos eram mortos e jogados no mar.

Crianças com medo

Além dos 20 tripulantes do barco, só as crianças podiam circular livremente. Mas, com medo de serem maltradadas, muitas delas pulavam na água e se afogavam.

Banho de gato

Para lavar a boca, os escravos faziam bochechos com vinagre. Para limpar o corpo, só podiam tomar banho duas vezes durante a viagem, que durava meses.

Calor

Um companheiro estava tão desesperado que tentou roubar a faca do homem que entregava água”, contou o escravo Mahommah Baquaqua. No meio das fezes e de uma temperatura que chegava a 55 graus, eles só comiam milho e bebiam meio litro de água por dia.

Estante humana
O porão tinha três patamares, com meio metro de altura cada. Presos pelos pés, mais de 500 escravos se empoleiravam. Sentados ou deitados, eles ficavam parecendo livros em uma estante.

18 de out de 2010

Revolução Industrial -8ºAno-3ª Parte

17 de out de 2010

Revolução Industrial -8ºAno-2ª Parte

Revolução Industrial -8ºAno-1ª Parte

16 de out de 2010

Eleições 2010- BOMBA!!!!

A ex-aluna de Mônica Serra, Sheila Canevacci Ribeiro, afirma em um post no Facebook que a mulher do presidenciável José Serra já teria cometido um aborto durante a ditadura militar.
A ex-aluna da Unicamp afirma que após assistir o debate da Bandeirantes, no último dia 11, se sentiu indignada com o posicionamento de José Serra com relação ao aborto, onde o candidato tentara desestabilizar a adversária, Dilma Roussef, no assunto que mais atinge sua campanha.
Em nota, a assessoria de José Serra nega as acusações.
Em tempo de campanha eleitoral, cabe aqui o uso de um provérbio popular:"Quem com ferro fere, com ferro será ferido".
Se o objetivo do candidato tucano era estremecer a base adversária, certamente depois dessa notícia é o eleitor quem fica abalado. Faz-se crer que os políticos brasileiros são todos "farinha do mesmo saco" e deixa o eleitorado em dúvida. Um lamentável retrocesso da democracia no Brasil!